Principais cuidados para instalação da caixa d’água

A caixa d’água é um item importante à infraestrutura de qualquer tipo de imóvel. Afinal, quando as torneiras secam, são elas que garantem o abastecimento emergencial. Por esta razão, é importante colocar a caixa d’água mais adequada às necessidades do imóvel, com vistas a racionamentos futuros. Além disso, a instalação deve ser feita com base em especificações técnicas para não danificar a caixa nem a estrutura da laje. O mais correto é contratar um profissional para fazer a instalação da caixa d’água.

Saiba quais são os cuidados básicos  instalação da caixa d´água

Esta informação é essencial na hora de planejar a instalação da caixa d´água no imóvel residencial ou comercial.  Pense nos períodos de estiagem, quando falta água ou os governos decidem implantar o racionamento a fim de atender a população toda, mesmo que em quantidades mínimas. Considere um consumo diário de 300 litros de água por pessoa adulta. É óbvio que a maioria das pessoas não consome tanta água assim, mas é importante garantir uma capacidade maior de reserva de água para evitar os transtornos de um racionamento futuro.

Mesmo que você resida em uma região que, até hoje, não enfrentou uma estiagem prolongada, é melhor prevenir porque a troca de uma caixa d’água é mais cara. Como não podemos controlar as condições climáticas, é melhor antecipar esse tipo de providência, garantindo o abastecimento do imóvel por pelo menos 2 dias, caso ocorra falta de água.

Se o imóvel é de uso comercial, considere não apenas o movimento atual de clientes, mas no crescimento do negócio ao longo do tempo. Ainda que você não coloque duas ou mais caixas, verifique se o imóvel tem estrutura para suportar a instalação da caixa d’água extra, no futuro.

Local adequado para a caixa d’água

Se você ainda está construindo o imóvel, atente-se para a estrutura da laje. Uma caixa com 1.500 litros de água pesa em torno de 1,5 tonelada. Portanto, a estrutura das paredes e laje devem comportar o peso da caixa d’água que você pretende instalar. Se necessário distribua o peso, instalando duas caixas d’água menores, mas com a mesma capacidade total de reservação.

A superfície deve estar bem nivelada e o acesso à caixa deve ser fácil, caso seja necessário fazer algum reparo, além da limpeza periódica. Considere também a necessidade de uma troca de caixa d’água, no futuro. O local de instalação e a estrutura do telhado devem estar preparados para esse tipo de operação.

Se você comprou um imóvel e decidiu reformá-lo, contrate um profissional especializado (arquiteto ou engenheiro) para elaborar o projeto de reforma. Um erro de cálculo pode colocar tudo abaixo. Nada de amadorismo na instalação da caixa d’água!

 

3.Caixa d’água mais leve

Na hora de comprar uma caixa d’água dê preferência aos produtos fabricados com materiais mais leves, porém, resistentes e duráveis. A caixa de fibra de vidro, por exemplo, é um produto de excelente performance. É o mesmo material usado na fabricação de piscinas. Por ser mais leve, a caixa d’água de fibra de vidro facilita o transporte e a limpeza.

O modelo mais recomendado é o que possui um tronco em forma de cone, com tampa encaixada, sem parafusos. Como a tampa de fibra é mais leve e não há parafusos, é muito mais prático retirá-la para manutenção e limpeza da caixa.

Descubra como economizar espaço, tempo e eficiência na hora de instalar a sua caixa d’água.

Leia também:[ BASES DE CONCRETO PARA CAIXA D’ÁGUA ]

Produto com certificado de garantia

A pesquisa de preços é importante. Afinal, em tempos difíceis, é necessário economizar o máximo possível. No entanto, pondere o custo/benefício na hora de tomar uma decisão. O ideal é comparar os preços entre os melhores produtos do mercado, de fábricas reconhecidas pela qualidade das caixas d’água. Além disso, considere se o fornecedor oferece garantia do produto. Alguns fabricantes oferecem 5 anos de garantia. Isto é importante porque se acontecer algum problema, você poderá retornar à loja e solicitar a substituição da caixa d’água. Por isso, não esqueça de solicitar a nota fiscal e guardar o documento em local seguro e fácil de encontrar, caso necessite.

Limpeza periódica da caixa d’água

A caixa d’água não é algo que você instala e só lembra dela quando as torneiras ligadas à rede pública secam. A cada seis meses, a caixa d’água deve ser inspecionada e limpa. Se você tiver habilidade e tempo, pode fazer a limpeza por conta própria. Basta fechar o registro, esvaziar a caixa d’água totalmente, esfregar a parte interna com água sanitária. Enxague-a e elimine a água suja.

Em seguida, encha a caixa d’água e adicione 1 litro de água sanitária. Deixe agir por duas horas e depois esvazie-a novamente. Antes de enchê-la, se necessário, troque a boia e o filtro. Pronto, a água da caixa poderá ser utilizada normalmente, nos próximos seis meses. Lembre-se de colocar na agenda a próxima inspeção e limpeza. Se você não tem condições fazer a limpeza, contrate um serviço especializado na limpeza de caixas d’água.

Gostou dessas dicas sobre instalação da caixa d’água?

Outras Publicações

×