7 cuidados que você deve ter ao optar pelo manejo racional para o gado de corte

 

7 cuidados que você deve ter ao optar pelo manejo racional para o gado de corte

Para garantir o máximo de produtividade e, ao mesmo tempo, o bem-estar dos animais, é necessário levar em conta uma série de aspectos no manejo racional do rebanho de gado de corte.

Na sequência, exploraremos sete aspectos fundamentais para este manejo racional de forma que o produtor tenha à sua disposição conhecimentos fundamentais para garantir bons resultados em suas atividades pecuárias. Vamos a elas.

Planejamento

Está etapa inicial se refere a escolha do local de confinamento do gado. Fatores como solo, clima e terreno devem ser cuidadosamente pensados, em especial o regime de chuvas. Deve-se ter em mente que o gado não gosta de deitar em terreno enlameado, e por isso a topografia e a capacidade de drenagem do solo são fundamentais, sendo que o ideal é que cada espaço de confinamento tenha um sistema de drenagem próprio.

Recomenda-se que cada curral tenha, no máximo, 120 animais e cada um tenha densidade de 10 a 12 m²/cabeça. Os cochos e locais de alimentação devem estar sempre no local mais alto e devem ser calçados com terrenos diferenciados, a exemplo de concentro.

Orçamento

Com as informações elencadas acima, é possível partir para uma das mais importantes etapas no manejo do gado de corte: o orçamento. O valor do hectare varia conforme a região, o solo, o clima e o regime de chuvas, sendo que terrenos mais férteis, voltados à agricultura, têm maior valor dos que os voltados à pecuária.

[ Leia também: Confinamento de Boi, Quando Vale a Pena?]

Além disso, deve-se considerar o custo da estrutura física presente nos espaços de confinamento. Cercas e materiais empregados em sua construção, locais de alimentação e quantidade de alimentação suplementar e adubação do solo, preço da mão de obra e dos currais são todos elementos que devem ser levados em conta no momento de realizar o orçamento, o que nos leva ao próximo tópico.

Estrutura física

Dentre todos os elementos da estrutura física, os currais são os espaços mais importantes, pois é neles que são realizados os trabalhos. No entanto, engana-se quem pensa que o curral precisa ser uma estrutura grandiosa. É preciso ter em mente que este não é um espaço para deixar os animais presos. Por isso, contar com piquetes de entorno pode ser uma ótima saída para desafogar o interior do espaço.

 

Para garantir maior economia e ao mesmo tempo maior durabilidade da estrutura, uma ótima saída é contar com os currais pré-moldados que, assim como qualquer outra estrutura deste tipo, saem mais baratos que construir uma estrutura sob medida, além de apresentarem a mesma qualidade.

Treinamento de pessoal

O manejo racional do gado de corte pode ser considerado recente na grande maioria das fazendas do país, apesar de conquistar cada vez mais espaço entre os produtores pelas vantagens que apresenta.
Justamente por se tratar de uma técnica relativamente nova assim como para potencializar suas vantagens, o ideal é investir em treinamento do pessoal em lida direta com o rebanho, em especial aquele(s) que atuará acompanhando as condições dos animais.

[ A VERDADE QUE NINGUÉM NUNCA CONTOU A VOCÊ SOBRE ESTRESSE NO GADO – CLIQUE! ]

Condicionamento

Bovinos possuem alta capacidade de aprendizagem, e os vaqueiros devem saber tirar proveito disso para tornar a lida mais fácil e menos estressante para ambos. Por isso, o condicionamento do gado de corte é fundamental.

Condicionar significa dar uma recompensa (ração) sempre que o animal apresentar o comportamento desejado, sempre levando em conta que devem ser levadas em conta boas práticas de bem-estar animal e que o condicionamento seja aplicado a todos, de modo a diminuir a competição entre os animais.

Suplementação

Para garantir a engorda e nutrição necessárias ao rebanho, é necessário contar com a suplementação animal, e todos os funcionários devem estar treinados para isso.

No momento da escolha de compra, dê preferência aos produtos que reúnam os nutrientes e vitaminas necessários em um só, pois além de reduzir o custo torna o processo de controle mais fácil. Se possível, também opte por produtos livres de resíduos biológicos e químicos, que podem comprometer a saúde do rebanho.

Transporte

A condução do gado de corte para o frigorífico é umas das etapas mais fundamentais do processo de produção, pois impacta diretamente em seu bem-estar e no sabor e maciez da carne.

Sempre transportar o gado em horários mais frescos do dia é obrigatório. Além disso, muitos frigoríficos hoje contam com tecnologias logísticas de modo a reduzir o percurso e o tempo que o gado fica sem alimentação.

Outras Publicações

×