Dicas para quem vai construir com Bloco de Concreto

O processo de construção com bloco de concreto demanda conhecimento e técnica para funcionar. Nesse contexto, a primeira etapa consiste em decidir o tipo de estrutura que constituirá a sua alvenaria. Os modelos utilizados com mais frequência para levantar paredes são os blocos de concreto e os blocos de cerâmica.

Por sua vez, o bloco de concreto tem como pontos a favor a sua economia e resistência superior. Outros benefícios que merecem destaque são a melhor planicidade e o menor desperdício dos itens. A maior disponibilidade dos blocos de concreto no mercado justifica a preferência por esse produto. A seguir, faremos algumas recomendações fundamentais para o uso adequado do bloco de concreto. Leia na íntegra para entender o assunto.

bloco de concretoPara calcular a quantidade de blocos

Depois de selecionar o tipo de bloco a ser empregado, o responsável pela construção calcula a quantidade necessária de material. Portanto, esse profissional encarregado precisa contar com as dimensões, bem como a altura do ambiente. Uma planta com as medidas simplifica o processo, porém é importante reduzir as áreas ocupadas por vãos de portas, janelas e demais aberturas presentes.

Atenção na hora de aplicar!

A construção com bloco de concreto requer um número de cuidados no momento de aplicação. São eles:

  • Não permita que os blocos fiquem expostos à umidade e à chuva. Caso chova, proteja as paredes recém-construídas com lonas de plástico;
  • O engenheiro ou o mestre de obras é quem deve efetuar a mistura e a dosagem da argamassa;
  • Umedeça a região de aplicação;
  • Efetue a primeira fiada com a ajuda de um fio de nylon para checar o alinhamento esperado;
  • Não reaproveite a argamassa que tenha caído no chão;
  • Não deixe que a massa endureça antes de averiguar se os blocos estão bem alinhados;
  • Corrija os eventuais problemas de alinhamento ainda no momento do assentamento;
  • Posicione um bloco com furos verticais, apropriados para as subsequentes instalações hidráulicas e elétricas, em cada pilar levantado;
  • Por fim, veja se não há juntas verticais que não tenham sido preenchidas.

Independentemente do espaço a ser elevado, a qualidade dos blocos deve ser analisada com cuidado. Entre os elementos que merecem uma observação atenta, estão: peso, resistência, aspereza na superfície, homogeneidade e umidade. Sobretudo, certifique-se de que não há trincas nos blocos. Com isso, você evita problemas futuros com o material adquirido.

O mestre de obras ou empreiteiro encarregado não pode usar a argamassa após duas horas e meia do seu preparo, somente assim é possível assegurar a consistência correta da mistura. Também não deixe que a argamassa entre pelos buracos do bloco conforme os materiais sequem antes de serem assentados. A partir do momento que a argamassa for finalizada, não se pode mais acrescentar cimento e areia à composição, apenas água.

Veja Também: [ Construir com Blocos de Concreto: Cuidados e Recomendações ]

Um pedreiro normalmente consegue montar a alvenaria até a altura de 1,60 m sem necessitar de andaimes. A partir de 1,60, o andaime será imprescindível. Nesse cenário, fique atento às normas de segurança para o trabalho em altura.

E quanto às instalações hidráulicas e elétricas?

Aqui é válido salientar que as instalações em blocos não são feitas como nos tijolos. Tendo em vista que as paredes e blocos de vedação viabilizam apenas recortes verticais e horizontais para instalações futuras, é conveniente determiná-los com antecedência. Desse modo, é possível desenvolver um projeto racionado.

Para execução racionada na elevação com blocos de concreto.

Se o intuito é promover uma construção racionada, meça e corte as peças de maneira precisa. Se essas medições forem seguidas corretamente, reduz-se igualmente na quantidade de argamassa para o assentamento. Por conseguinte, quando o planejamento é bem pensado, pode-se inclusive aperfeiçoar a mão de obra e a duração do trabalho.

A alvenaria deve priorizar os cuidados com alinhamento, prumo e amarração para prevenir vícios de construção. Agora que você já sabe mais sobre bloco de concreto, sugerimos que coloque em prática as dicas acima ao usar esse material.

Outras Publicações

×